Prefácio da Consagração do Altar

Página inicial > Liturgia > Acessórios Litúrgicos na Santa Missa

PREFÁCIO DA CONSAGRAÇÃO DO ALTAR

O prefácio a seguir foi extraído do Ritual para Consagração de um Altar.

 – Formato para impressão (em PDF)

Verdadeiramente digno e justo é, necessário e salutar, que sempre e em toda a parte Vos demos graças, Senhor, Pai Santo, omnipotente e eterno, cujo início e fim não se adverte; que tanto é quanto quisestes, Deus sem dúvida santo e maravilhoso, cuja virtude os princípios não compreendem. Os suplicantes Vos bendizemos, Vos imploramos, para que seja este altar para ti como aquele que Abel, precursor na paixão do mistério da salvação, morto pelo irmão, com novo sangue embebeu e consagrou. Seja este altar para Vós, Senhor, como aquele que Abraão, nosso pai, que mereceu ver-te, construiu, e, invocado Vosso nome, consagrou, no qual pelo sacerdote Melquisedec exprimiu a forma do  sacrifício triunfal. Seja este altar para Vós, Senhor, como aquele sobre o qual Abraão, princípio da nossa fé, enquanto confiava em Vós com todo o coração, com todo o coração depositava seu filho Isaac, no que se revelou o sacramento do mistério da salvação do domingo da Paixão; enquanto o Filho é oferecido, o Cordeiro é imolado. Seja este altar para Vós, Senhor, como aquele que Isaac, descobrindo abismo de pureza profunda, dando a ele um nome de riqueza, consagrou à  Vossa majestade. Seja este altar para Vós, Senhor, como aquele que Moisés, recebida a ordem, aproximou e, em prefiguração apostólica, firmou com construção de doze pedras. Seja este altar para Vós, Senhor, como aquele que Moisés limpou em purificação de sete dias, e com Vossa fala celestial denominou Santo dos Santos. Seja, portanto, neste altar o culto da inocência, imolada a soberba, destruída a luxúria, e ferida toda a libido, oferecido pela rolinha o sacrifício da castidade, e pelo filhote das pombas o sacramento da inocência. Por Nosso  Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, que, sendo Deus, convosco vive e reina na unidade do Espírito Santo por todos os séculos dos séculos.

Amém.

Fonte: http://www.missaest.hpg.com.br/prefacioaltar.htm

Anúncios